O Príncipe é a ilha mais pequena do arquipélago de São Tomé e Príncipe e tem uma população de cerca de 7.500 pessoas, a maioria dos quais jovens. A nossa intervenção no terreno tem como objetivo potenciar a educação e o desenvolvimento sustentável. O Projeto Príncipe tem impacto em cerca de 2500 pessoas anualmente. As nossas atividades no terreno incluem aulas de informática, inglês, matemática; formações de saúde; concurso de empreendedorismo; campo de férias; recuperação de postos de saúde entre outras. 

Quero ser voluntário!                  Quero fazer uma doação!


Príncipe 2017

Em 2017 estivemos presentes na ilha durante um período de três meses, com uma equipa de 13 voluntários. O principal objetivo foi capacitar os voluntários locais para que um dia a nossa presença não seja mais necessária, que sejam eles próprios capazes de dinamizar as atividades de forma completamente autónoma. 

Voluntários: Rita Matias, Rita Calvão, Marisa Francisco, Filipa Leal da Costa, Lídia Gama, Ana Romano, Duarte Noronha, Maria Inês Falé, Manuela Chumbo, Filipa Reis, João Gouveia, Mariana Neves e Nicole Ribeiro. 

Conheça as histórias pela mão dos voluntários, no blogue do Projeto Príncipe.



Príncipe 2016

O projeto de 2016 contou com 18 voluntários e uma implementação no terreno de 4 meses. O principal foco foi a área da saúde e aumentar o impacto do concurso de empreendedorismo.

Voluntários: Filipa Galrão, Maria Miguel, Beatriz Oliveira, Miguel Jerónimo, Francisco Maia, Sofia Brás, Margarida Matos, Margarida Marante, Patrícia Silva, Bernardo Paixão, Rita Gama, Francisco Gouveia, Maria Silva, Alexandra Guerreiro, Ana Mendonça, Lídia Gama, Filipa Pais e Catarina de Oliveira. 



Príncipe 2015

De julho a outubro, a nossa equipa, que contou em 2015 com 24 voluntários, implementou na ilha uma série de atividades, incluindo duas que são já uma bandeira da Sonha, Faz e Acontece no Príncipe: o Campo de Férias Xináa Fogáa e a Escola Gravana.

Voluntários: Nádia Dinis, Beatriz Oliveira, Tiago Gonçalves, Joel Silvestre, Catarina Rua, Joana André, Rita Gama, Ricardo Gonçalves, Inês Fernandes, Alexandra Guerreiro, Joana Caçador, Nuno Gomes, Sara Drumond, Nuno Inácio, Paulo Fontainhas, Catarina Vital e Ana Brito. 



Príncipe 2014

Este ano, o Projeto Príncipe foi ainda mais ambicioso: em julho, 17 voluntários portugueses embarcaram para a ilha e juntaram-se aos nossos voluntários são-tomenses durante 4 meses. Foi o primeiro ano em que se dinamizou clubes de leitura em várias roças e se lançou o Jornal do Príncipe. 

Voluntários: Tiago Gonçalves, Tiago Guerreiro, Daniela Vieira, Luísa Costa, Luísa Figueiredo, Nádia Dinis, Ana Matias, Rita Ventura, Marcelino Rodrigues, Sofia Caranova, Afonso Leite, Raquel Póvoas, Teresa Felix e Paulo Fontainhas.



Príncipe 2013

Neste ano, o Projeto Príncipe começou a crescer: tivemos nove voluntários no terreno ao longo de cinco semanas. A primeira atividade desta equipa foi o já muito aguardado Campo de Férias Xináa Fogáa e, durante cinco dias, os voluntários proporcionaram momentos de alegria e de aprendizagem a mais de 100 crianças. Estes espaços foram palco da primeira edição da Escola Gravana, com workshops e sessões de formação direcionados às crianças e jovens da comunidade em áreas como Empreendedorismo, Geografia, Ciências e Inglês.

Voluntários: Teresa Teixeira, Bernardo, Manuel, Gonçalo Gomes, Margarida Castro Lopes, Margarida Domingues, André Vidigal e Neli Fernandes.



Príncipe 2012: O início de um sonho

A nossa primeira aventura já foi em 2012, o ano em que os primeiros voluntários do Projeto Príncipe rumaram à ilha. Durante um mês, estes cinco voluntários organizaram o Campo de Férias Xináa Fogáa, na roça do Picão, em que dinamizaram jogos para mais de 100 crianças. E ainda recuperaram duas salas de estudo. 

Voluntários: Alexandre Matias, Teresa Teixeira, João Calvão, Joana Pimenta e Miguel Ventura.